Privatização de reserva de gás natural beneficiaria banco ligado ao ministro Paulo Guedes

privatizacao-de-reserva-de-gas-natural-beneficiaria-banco-ligado-ao-ministro-paulo-guedes

Privatização de reserva de gás natural beneficiaria banco ligado ao ministro Paulo Guedes

“A raposa cuidando do galinheiro”. O tradicional dito popular se encaixa perfeitamente com a  atuação do ministro da Economia, Paulo Guedes, que vem colocando, desde o começo do governo, seus interesses acima das necessidades da população.

Seus interesses “dos dois lados do balcão” já ficaram claros quando foram divulgadas as contas milionárias de Guedes em paraísos fiscais. Enquanto a economia brasileira perdia, os bolsos do ministro se enxiam com a desvalorização do real perante o dólar.

Além disso, Guedes, um dos maiores propagadores da ideia do “privatiza tudo”, ainda tem ligação com o banco BTG Pactual (que ajudou afundar), que é o principal acionista da empresa Eneva S/A, uma das mais cotadas para comprar o Polo de Urucu, na Bacia do Solimões (Amazonas) – maior reserva terrestre de gás natural do Brasil.

Portanto, quer saber quem ganha com as privatizações? Pergunta lá pro “Posto Ipiranga” de Jair Bolsonaro, seu principal conselheiro. Já quem perde é a população.

#ServiçoPúblico #ÉPublico #ÉpraTodos #ValorizeOServidor #ServiçoPúblicoéExcelência