Reforma Administrativa prejudica até a concorrência entre empresas

reforma-administrativa-prejudica-ate-a-concorrencia-entre-empresas

Reforma Administrativa prejudica até a concorrência entre empresas

👀 A Reforma Administrativa (PEC 32/2020) foi criada pelo governo Jair Bolsonaro para destruir os serviços públicos brasileiros por meio da precarização do trabalho dos servidores e da privatização de funções que são exclusivas do Estado.

😰 Um dos maiores perigos da Reforma é a criação de “instrumentos de cooperação com órgãos e entidades, públicos e privados, para a execução de serviços públicos”, inclusive com o uso de estruturas custeadas pelo Estado.

🤡 Isso significa que empresários não precisariam investir em novas estruturas, eles poderiam usar a estrutura do Estado que foi criada com o dinheiro da população.

❗ Com isso, não só os cidadãos teriam menos acesso e qualidade em seus direitos, como a concorrência entre as empresas privadas ficaria desequilibrada, já que os empresários que firmassem os tais “instrumentos de cooperação” teriam muito mais vantagens. Isso geraria concorrência desleal.

👉 A Reforma Administrativa é péssima para toda a sociedade. O serviço público precisa ser para todos!

#ServiçoPúblico #ÉPublico #ÉpraTodos #ValorizeOServidor #ServiçoPúblicoéExcelência